terça-feira, 25 de outubro de 2016

Oficinas gratuitas em novembro - Projeto "O Patinho (In)Verso"

Divulgando as oficinas que ocorrerão em novembro em Paulínia, Hortolândia e Jundiaí!


quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Reportagem sobre o livro "o Patinho (In)verso" na EPTV (Globo)

Reportagem sobre o livro "o Patinho (In)verso" na EPTV (Globo)

Amigas criam livro que estimula crianças e adultos de forma lúdica

Em campinas (SP), a repórter Edlaine Garcia conheceu as criadoras do 'O Patinho (IN) Verso', projeto literário que contém manual para criar brinquedos
10/10/2016 09h13 - Atualizado em 10/10/2016 11h31

A repórter Edlaine Garcia foi conhecer um projeto que desperta o lado lúdico tanto nas crianças quanto nos adulto.Em um bate papo com as amigas Rhelga Westin e Kate Manhães, de Campinas (SP), a repórter conheceu mais sobre o livro “O Patinho (IN) Verso”, que além de conter uma história divertida para as crianças, também possui manuais que ensinam a fazer os brinquedos da própria história.

Rhelga e Kate contam para nossa repórter como surgiu a ideia de produzir o projeto: as amigas faziam um curso de conceber um livro baseado na história do patinho feio. “Assim nasceu a ideia de criar um livro que tivesse essa questão de reutilizar o lixo, aí surgiu O Patinho (IN) Verso”, explica Kate Manhães.

Rhelga Westin comenta que quando ela era criança existiam muitos livros "faça você mesmo", que incentivavam nos pequenos as habilidades do trabalho manual para montar brinquedos ou personagens: “Era diferente de hoje em dia em que as crianças estão muito ligadas com a tecnologia", pontua Rhelga.

Com o fato dos livros e outras brincadeiras terem sido substituídas por videogames e celulares, fomentou-se a iniciativa das amigas em criar o projeto. “Queremos fazer o resgate do fazer criativo para as crianças”, comenta Rhelga.

O Patinho (IN) Verso

Os primeiros passos do livro nasceram há cinco anos. O personagem “Pedrinho” é o típico garoto ligado à tecnologia, até que um dia ele se viu literalmente no escuro. “Pedrinho é este garoto de oito anos, que está em casa trancado, onde o mundo externo não é necessário para ele, pois ele fica conectado com o videogame, mas ai ele é obrigado a sair, porque acaba a luz”, conta Kate.

Assim começa a aventura de Pedrinho. Por que quando se busca a luz, com intenção clara, coisas mágicas acontecem. “A gente tira a atenção de algo que é muito rotineiro para criar outro estímulo”, explica Rhelga. Desta maneira surge “O Patinho Feio” e Pedrinho começa a ler, porque o livro é uma tecnologia que não desliga.

Só que na história das amigas, o patinho é um cientista da reciclagem e convoca Pedrinho para uma aventura, onde o menino é impulsionado a montar alguns personagens da trama para que as coisas aconteçam.

O cavalo de pau é o primeiro de sete brinquedos que o personagem faz para se dar a chance de viver uma experiência diferente. Lendo o livro, o processo criativo dos personagens pode ser vivido em casa, pelo próprio leitor.

Brinquedos de materiais recicláveis


Depois de conversar com as autoras do livro, Edlaine Garcia conhece o ecobrinquedista Renato Barboza, que ministra algumas oficinas de construção de brinquedos feitos a partir de material reciclável. “A ideia é o resgate do lúdico de uma forma que encante e que não fique apenas na prateleira. E não só para crianças”, explica Renato.

A ideia deste projeto é que toda a família se envolva. “Às vezes a criança está fazendo um brinquedo, a mãe vê e fala: nossa, eu vou fazer um vaso, assim as coisas vão se transformando”, explica a autora do livre, Kate.

As oficinas são totalmente gratuitas e as próximas vão acontecer nas cidades de Hortolândia (SP) e Paulínia (SP). Para ficar por dentro das datas e saber mais sobre o projeto, assista a matéria! Fonte: http://gshow.globo.com/EPTV/Mais-Caminhos/noticia/2016/10/amigas-criam-livro-que-estimula-criancas-e-adultos-de-forma-ludica.amp

EXTRA:
Aprenda a fazer o brinquedo "paraquedista" com materiais recicláveis

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Ecobrinquedos do livro "O Patinho (In)verso - épicas aventuras com brinquedos inventados"

Fotos dos ecobrinquedos do livro "O Patinho (In)verso - épicas aventuras com brinquedos inventados". créditos do fotógrafo Rodrigo França.






















quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Oficinas do Projeto Patinho (In)verso em Setembro de 2016 em Campinas-SP

Divulgando as oficinas que serão realizadas em Campinas-SP em setembro de 2016

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Apostila - Os brinquedos e o brincar na primeira infância: formação de educadores ecobrinquedistas

“Muito mais do que mostrar brinquedos interessantes, é preciso transpor barreiras internas que dificultam aos(as) educadores(as) vivenciar livremente o brincar 'como se fosse uma criança'. Não de modo infantilizado, mas em toda a sua potência criativa, o brincar que flui de dentro, que transborda, mediado pelos materiais e pela presença dos outros participantes.”

quarta-feira, 8 de julho de 2015

Caixa de Jogos - DESAFIOS

CARAS E BOCAS
Componentes: 9 peças quadradas contendo metade do desenho do diagrama em cada lado. O desenho é divido em duas partes (olhos e boca) e aparece em quatro cores.
Como jogar: O desafiante deve conseguir organizar os 9 peças na forma 3x3 (um quadrado contendo três peças na horizontal e três peças na vertical) de maneira que em todos os encontros de peças as imagens localizadas no encontro sejam correspondentes.

DESAFIO CORES
Componentes: 7 discos contendo seis diferentes imagens ou cores.
Como jogar: O desafiante deve conseguir organizar os 7 discos em forma de flor (seis discos em volta de um disco central) de maneira que em todos os encontros de discos, as imagens ou cores localizadas nos encontros, sejam correspondentes.

QUADRADO INVOCADO
Componentes: Tabuleiro 5x5 e 25 fichas (5 cores, 5 fichas de cada cor)
Como jogar: O desafiante deve conseguir organizar as 25 fichas de forma que cada linha e coluna contenha apenas uma ficha de cada cor. Nenhuma cor pode se repetir na linha ou coluna.

SUDOKU CORES
Componentes: Tabuleiro 6x6 divido em 6 quadrantes de 6 casas cada (o tabuleiro deve apresentar um gabarito definindo a posição de um conjunto de cores, que pode ser variável ou fixo) e 36 fichas (6 cores, 6 fichas de cada cor)
Como jogar: O desafiante deve conseguir organizar as 36 fichas de forma que cada linha, coluna e quadrante contenha apenas uma ficha de cada cor. Nenhuma cor pode se repetir na linha, coluna ou quadrante.

Caixa de Jogos - YOTÉ

Participantes: 2
Componentes: Tabuleiro de 30 casas (5x6) e 24 fichas (2 cores, 12 de cada cor)

Preparativos: Cada participante deve escolher uma das cores.
Início do jogo: Os participantes devem escolher uma das seguintes ações:
  • Colocar uma ficha (em qualquer casa do tabuleiro). 
  • Andar com uma ficha previamente colocada (sempre em linha reta, não valendo movimentos na diagonal). 
  • Capturar uma ficha do outro participante pulando por cima desta para uma casa vazia (quando isso ocorre, o participante pode capturar outra ficha a sua livre escolha. No caso de capturas múltiplas, deve ser capturada uma ficha extra a cada captura) 
Fim de jogo: Ganha quem conseguir capturar ou bloquear todas as fichas do outro participante. Caso ambos os jogadores estiverem com três ou menos peças, o jogo termina empatado.